Tratamento do Canal Radicular

 

 

Preparação

Antes de se iniciar o tratamento do canal radicular, podemos fazer uma série de raios-X do dente afetado. Isto permite-nos construir uma imagem clara do canal radicular e avaliar a extensão de qualquer dano.

O tratamento do canal radicular é geralmente realizado sob anestesia local, uma medicação analgésica que adormece uma área específica do corpo. Em alguns casos, em que o dente já não está vivo e já não tem sensibilidade, pode não ser necessário usar anestesia local.

Ocasionalmente, os dentes podem ser difíceis de anestesiar. Nestes casos, podemos usar técnicas especiais de anestesiologia local para garantir que o seu tratamento é efetuado sem dor.

O seu dentista na Malo Smile USA colocará uma pequena folha de borracha (dique) em volta do seu dente para garantir que este se mantém seco durante o tratamento. A aplicação deste isolamento também evita que possa engolir ou respirar os produtos químicos que o dentista utiliza.

O seu dentista abrirá o seu dente através da coroa – a parte plana no topo – para aceder ao tecido mole no centro do dente (polpa). Em seguida, removerá todo o tecido infetado que ai se encontre.

Caso tenha um abscesso dentário, que é um inchaço cheio de pus, este pode ser drenado ao mesmo tempo.

Limpeza, desinfeção e preenchimento do canal radicular

Depois de a polpa ser removida, a câmara pulpar e o sistema de canais radiculares presente nas raízes são devidamente desinfetados e alargados para que possam ser fácil e devidamente preenchidos. O canal radicular é geralmente muito estreito, o que dificulta o seu preenchimento.

O seu dentista usará uma série de pequenas limas para alargar e formatar devidamente os canais para que estes possam ser preenchidos.

Esta parte do tratamento pode levar várias horas a ser concluído e pode ser necessário realizá-lo em mais do que uma visita.

Os seus dentes incisivos centrais e laterais e os seus dentes caninos (dentes que cortam e rasgam os alimentos) têm geralmente uma única raiz contendo um canal radicular.

Os pré-molares e os dentes molares (dentes de função mastigatória) têm duas ou três raízes, cada uma contendo um ou dois canais radiculares. Quanto mais raízes um dente tem, mais tempo levará a completar o tratamento.

Se o tratamento precisar de ser realizado em várias sessões, o seu dentista da Malo Smile USA pode aplicar uma pequena quantidade de medicação no canal com o objectivo de eliminar quaisquer bactérias e proteger o dente entre consultas. Nestes casos o dente é selado com um preenchimento provisório.

Caso apresente sintomas da infecção, como febre elevada ou grande inchaço, poderá ser-lhe dada medicação à base de antibióticos para ajudar a controlar e prevenir novas infecções.

Selagem e restauro do dente

Na sua próxima visita, o preenchimento provisório e a medicação colocada dentro do dente são removidos e a obturação do canal radicular será realizada. Isto, juntamente com um cimento obturador, sela o dente e evita a reinfeção.

Dentes com canais tratados e restaurados são mais propensos a partir do que os dentes saudáveis e não restaurados, pelo que o seu dentista pode sugerir a colocação de uma coroa no dente com o objetivo de protegê-lo.

Em alguns casos, um dente com os canais tratados pode acabar por escurecer, especialmente se o dente ficou sem vida como resultado de uma lesão provocada por uma pancada, por exemplo.

Existem várias formas do seu dentista poder tratar a descoloração, como branquear o dente usando produtos químicos.

Coroas

Uma coroa é uma capa artificial fabricada em laboratório que serve para cobrir um dente verdadeiro. Pode ser necessário usar uma coroa após o tratamento do canal radicular para evitar a fratura do dente.

As coroas podem ser feitas de:

  • metal ou porcelana (ou ambos)
  • um material cerâmico
  • resina

O tamanho do seu dente será reduzido e a coroa será usada para substituir o espaço que foi removido. Será feito um molde do seu dente para garantir que a coroa é feita com a forma e o tamanho certo, e se encaixa no seu dente com precisão.

Ao aplicar a coroa, será usado um cimento especial para colar a coroa ao seu dente previamente reduzido.

Se restar apenas uma pequena quantidade de dente após o tratamento do canal radicular, pode ser cimentado um poste no canal para ajudar a suportar e a manter a coroa no lugar.

Resultados

O tratamento do canal radicular é um processo geralmente bem-sucedido com o objetivo de salvar o seu dente e eliminar a infecção.

Uma revisão feita a uma série de estudos descobriu que 90% dos dentes com canais radiculares tratados sobreviveram durante 8 a 10 anos.

O estudo também descobriu que ter uma coroa adaptada ao dente após o tratamento do canal radicular foi o fator mais importante para a melhoria das taxas de sobrevivência dentária.